change language
você está em: home - news newsletterlink

Support the Community

  
1 Junho 2015 | PRETÓRIA, ÁFRICA DO SUL

Sant'Egidio na África do Sul promove mobilização contra a xenofobia que faz vítimas entre os imigrantes

Uma conferência de sensibilização após a recente violência que fez vítimas entre os jovens trabalhadores de outros países africanos

 
versão para impressão

Unidos contra a xenofobia: esta é a mensagem lançada pela Comunidade de Sant'Egidio de Pretória e Joanesburgo em Living Together, o encontro promovido por Sant'Egidio em Pretória para sensibilizar a sociedade como resultado de graves atos de violência xenófoba que ocorreram recentemente em várias cidades sul-Africanas, que viram assassinatos na rua de jovens culpados apenas de serem estrangeiros vindos de outros países do continente.

Uma verdadeira onda de ataques contra imigrantes: linchamentos,lojas saqueadas, casas devastadas, milhares de pessoas deslocadas que tiveram de buscar abrigo em quatro campos de refugiados. As comunidades estrangeiras tornaram-se o bode expiatório de uma violência que é realmente um sintoma de problemas sociais mais profundos.

Todos os meses cerca de 10.000 migrantes de todo o continente, especialmente de Moçambique, Malawi, Zâmbia, Zimbabwe e Repbblica Democrática do Congo, chegam na África do Sul em busca de um futuro melhor.

Mas hoje muitos deles optaram por deixar o país, enquanto aqueles que permanecem continuam a viver com medo.

Durante o encontro, Elard Alumando da Comunidade de Sant'Egidio do Malawi explicou os perigos da busca o inimigo face aos problemas econômicos e sociais do país: "Se não houvessem os migrantes a sociedade iria procurar outro inimigo, o mais provável entre os mais pobres: os fracos são frequentemente vítimas".

Recomeçar a partir dos pobres para consertar um tecido social dividido é o trabalho diário de Sant'Egidio na África do Sul, o que emergiu nas intervenções dos participantes, que apresentaram o modelo da Escola da Paz da Comunidade, onde as crianças e os adolescentes de diferentes países crescem juntos, ou a distribuição de alimentos e roupas para os sem-abrigo, um serviço em que os sul-africanos e as pessoas de diferentes nacionalidades estão envolvidos juntos na amizade com os mais pobres: um exemplo de como viver juntos seja possível, mesmo na África do Sul.


 LEIA TAMBÉM
• NOTÍCIA
15 Outubro 2017
ROMA, ITÁLIA

OS VÍDEOS da marcha em memória da deportação dos judeus de Roma a 16 de Outubro de 1943

IT | PT | HU
18 Maio 2010

"Nápoles cidades de todos, Nápoles cidades para o mundo": uma caminhada para dizer Não ao racismo

IT | EN | ES | DE | PT | CA | NL | ID
11 Janeiro 2010

Delegação de Sant'Egidio e Povos de Paz visita os imigrados atingidos pelos factos de violência em Rosarno (Calábria)

IT | ES | DE | FR | PT | CA | NL
todas as notícias
• IMPRIMIR
8 Fevereiro 2018
Vatican Insider

Macerata, l’impegno della Chiesa per la “pacificazione sociale”

6 Fevereiro 2018
La Notizia

I rifugiati sono una risorsa. Sant’Egidio: toni sbagliati

4 Fevereiro 2018
FarodiRoma

Raid xenofobo a Macerata. La Comunità di Sant’Egidio conforta i feriti

1 Novembro 2017
Notizie Italia News

Inquinamento da "haters"

31 Outubro 2017
Avvenire

Un branco contro i migranti. «Le parole incitano all'odio»

31 Outubro 2017
FarodiRoma

Andrea Riccardi visita in ospedale il bengalese aggredito dai ragazzi romani

todos os press releases
• EVENTOS
5 Novembro 2017 | GENOA, ITÁLIA

Marcia in memoria della deportazione degli ebrei di Genova

TODAS AS REUNIõES DE ORAçãO PELA PAZ
• DOCUMENTOS
Matteo Zuppi

"QUE EL SEÑOR NOS AYUDE A VIVIR JUNTOS" - Homilía de Mons. Matteo Zuppi

todos os documentos

VIDEO FOTOS
3:11
Clochard aggrediti selvaggiamente a Genova

83 visitas

34 visitas

6 visitas

6 visitas

13 visitas
todos os meios de comunicação relacionados