change language
você está em: home - news newsletterlink

Support the Community

  
16 Janeiro 2016 | OUAGADOUGOU, BURKINA FASO

Vozes de Burkina Faso, País querido pela Comunidade atingido pela violência

O atentado terrorista a Ouagadougou, onde está presente Sant’Egídio.

 
versão para impressão

"Quiseram atingir um País onde a convivência entre religiões diferentes é possível”: Mira Gianturco, responsável internacional do programa Bravo, da comunidade de Sant’Egídio, está em Ougadoudou e viveu entrincheirada em casa as horas dramáticas do ataque Jihadista no centro da capital Burkinabé. "Esta manha telefonaram-me dezenas de amigos muçulmanos: pessoas que queriam saber como estou, se estava tudo bem. Alguns vieram até visitar-me a casa".

As religiões islâmica, cristã e tradicional conviveram sempre pacificamente em Burkina Faso. "A convivência foi e é possível. Toca que este ataque chegue num momento no qual se vira a página depois do golpe de estado: foi eleito um presidente, nasceu o governo, terminou a transição. Querem impedir que este processo continue. Mas há muitos sinais de que as pessoas querem viver juntas e é importante que o que aconteceu e o medo não bloqueiem este processo".

"Penso que este atentado tenha sido levado a cabo não apenas para destabilizar o País mas também para ferir a convivência entre povos. Para atingir um lugar onde estavam presentes tantos irmãos e irmãs do ocidente”, adiciona padre Philippe Zongo, um dos responsáveis de Sant’Egídio muito empenhado em Burkina Faso e que acaba de voltar a Roma. Segundo o religioso, o ataque é “quase uma cópia” do que sucedeu em Bamako, no Mali, onde em Novembro foi atacado de surpresa um outro hotel frequentado por estrangeiros. É portanto “uma mensagem a toda a humanidade, é um problema que diz respeito à humanidade inteira". Também padre Zongo teme que este ataque possa de alguma forma minar a convivência entre muçulmanos e cristãos – estes últimos são cerca de 30% no País – que até agora tem dado bons frutos. “É uma convivência secular entre muçulmanos e cristãos e sempre existiu um diálogo forte de amizade”, sublinhou.  Mas agora este ataque “poderia ser interpretado como uma contraposição entre muçulmanos e cristãos mas não se trata de um problema de religião. O problema é o mal que está a corroer a nossa sociedade”. “Como sempre o mal está presente e quer semear o medo mas nós não cedemos ao medo porque estamos seguros que juntos podemos salvar o mundo", assegurou o religioso.

Em Burkina Faso a Comunidade de Sant’Egídio é muito ativa e presente. "Fazemos oração, encontros, serviço aos pobres”, explicou ainda padre Zongo. “Este ano por exemplo realizámos o almoço de Natal com os presos e as crianças de rua".O almoço servido às crianças de rua é uma tradição semanal e decorre num centro mesmo na rua onde se encontra o Hotel Spendid. “É uma forma também de reforçar as relações humanas e a cultura do viver, e os valores espirituais".

Bravo (Birth Registration for all Versus Oblivium) desde 2009 realiza uma campanha de registo para assegurar a certidão de nascimento àqueles que de outra forma não a teriam. “A falta de registo alimenta os conflitos e é fonte de instabilidade. É o coração do problema, dar uma identidade a quem não a tem. Muitos daqueles que se entregam à violência provêm dos estratos sociais mais desfavorecidos. Se se conseguir dar uma identidade a todos também a segurança será diferente". Cada ano, dá conta a Comunidade de Sant’Egidio, 51 milhões de crianças no mundo não são registadastornando-se assim presas fáceis para vários tipos de abuso, desde sexuais ao recrutamento para as forças armadas, do trabalho forçado ao matrimónio precoce. Duas em cada três crianças na Africa Subsariana não são registadas e de um ponto de vista legal são crianças “invisíveis'.

Fonte AGI


 LEIA TAMBÉM
• NOTÍCIA
7 Fevereiro 2018

50 anos de Sant'Egidio: a alegria do evangelho de Roma às periferias do mundo

IT | DE | PT
25 Janeiro 2018
ROMA, ITÁLIA

República Centro-Africana, o Presidente Touadera em Sant'Egidio: o processo de paz continua, agora começa a nova fase de desarmamento

IT | ES | DE | FR | PT | CA | ID
24 Janeiro 2018

República Centro-Africana, amanhã o presidente em visita a Sant'Egidio: Conversações sobre o processo de paz e encontro com a imprensa

IT | PT
23 Janeiro 2018
BANGLADESH

Abre hoje a escola com as primeiras 300 crianças Rohingya no campo de refugiados de Jamtholi

IT | EN | ES | DE | FR | PT | NL | RU | HU
23 Janeiro 2018
PERU

A Comunidade de Sant'Egidio de Lima aos encontros com o Papa Francisco no Peru

IT | ES | DE | FR | PT
17 Janeiro 2018

"Apoiamos os corredores humanitários, um modelo de boas práticas sobre a questão dos refugiados": O primeiro-ministro Gentiloni numa carta à Comunidade

IT | ES | PT
todas as notícias
• DIVULGAÇÃO
12 Fevereiro 2019
Notizie Italia News

L'ottava arte: quella di includere. Artisti con disabilità ed esclusione ...

11 Fevereiro 2019
Vatican Insider

Riccardi: tra Italia e Vaticano c’è freddezza ma non rottura

13 Março 2018
RP ONLINE

Flucht, Abi, Studium

28 Fevereiro 2018
Domradio.de

"Wahrhaft ökumenische Bewegung"

27 Fevereiro 2018
Bayerischer Rundfunk

Interview mit Sant'Egidio Mitgründer Andrea Riccardi

27 Fevereiro 2018
La Repubblica

Profughi, dal Corno d'Africa a Roma corridoio umanitario per 114 persone

todos os press releases
• EVENTOS
12 Setembro 2017

Oração ecuménica dos cristãos

MÜNSTER

St.-Paulus-Dom

MÜNSTER

Bischoefliches Priesterseminar Borromaeum - Aula

MÜNSTER

Messe und Congress Centrum Halle Muensterland

MÜNSTER

Rathaus Muenster - Rathausfestsaal

MÜNSTER

Bezirksregierung Muenster, Freiherr-vom-Stein-Saal

TODAS AS REUNIÕES DE ORAÇÃO PELA PAZ
• PENA DE MORTE NO
10 Outubro 2017

On 15th World Day Against the Death Penalty let us visit the poorest convicts in Africa

7 Outubro 2015
UNITED STATES

The World Coalition Against the Death Penalty - XIII world day against the death penalty

5 Outubro 2015
EFE

Fallece un preso japonés tras pasar 43 años en el corredor de la muerte

24 Setembro 2015

Pope Francis calls on Congress to end the death penalty. "Every life is sacred", he said

12 Março 2015
AFP

Arabie: trois hommes dont un Saoudien exécutés pour trafic de drogue

12 Março 2015
Associated Press

Death penalty: a look at how some US states handle execution drug shortage

9 Março 2015
AFP

Le Pakistan repousse de facto l'exécution du meurtrier d'un critique de la loi sur le blasphème

9 Março 2015
Reuters

Australia to restate opposition to death penalty as executions loom in Indonesia

9 Março 2015
AFP

Peine de mort en Indonésie: la justice va étudier un appel des deux trafiquants australiens

28 Fevereiro 2015
UNITED STATES

13 Ways Of Looking At The Death Penalty

15 Fevereiro 2015

Archbishop Chaput applauds Penn. governor for halt to death penalty

11 Dezembro 2014
MADAGÁSCAR

C’est désormais officiel: Madagascar vient d’abolir la peine de mort!

ir para nenhuma pena de morte
• DOCUMENTOS

Adam Michnik

Adolfo Pérez Esquivel

Agostino Marchetto

Ahmad Muhammad Al-Tayyeb

Aisha Yousef Al-Menn'ai

Aldo Giordano

todos os documentos
• LIVROS

A Paz. Como Moçambique saiu da guerra





CIEDIMA

A Paz preventiva





CIDADE NOVA
todos os livros

VIDEO FOTOS
8:48
Benvinda Levi, Moçambique - VII Congress "A world without death penalty"
3:40:49
Reducir a mortalitade materna e fazer crescer as crianças sem SIDA
O vídeo da inauguração do programa "Bravo!" pela registação ao Registo Civil das crianças no Burkina Faso

191 visitas

181 visitas

178 visitas

166 visitas

169 visitas
todos os meios de comunicação relacionados